Regras Básicas de Segurança – Ricardo Nakayama

Na Residência

Conheça os vizinhos, onde trabalham, seus hábitos, horários de saída echegada, telefones, etc. Estabeleça um acordo mútuo com pelo menos dois deles, no sentido de manter a residência sob vigilância, especialmente quando estiver fora.

Tenha sempre a mão telefones úteis (polícia, bombeiros, hospitais, escola/trabalho, clubes, e outros locais habitualmente freqüentados pelos moradores da casa).

Procure, na medida do possível, manter-se informado dos locais em que se encontram os membros da família, dando-lhes, por outro lado, ciência de onde você se encontra.

Selecione criteriosamente as pessoas que lhe prestem serviços, tais como:
empregadas domésticas, motoristas, etc. (pesquise antecedentes, endereços, hábitos, etc.).

Não atenda à porta sem antes verificar de quem e do que se trata (preferencialmente, através de visor, “olho mágico”, etc.), recusando encomendas, serviços e vendedores não solicitados, ainda que se trate de pessoas uniformizadas.

Marque hora com as pessoas que farão serviços em sua residência, exigindo sempre identificação pessoal. Nunca as deixe sozinhas.

Mantenha controle das chaves da residência, evitando que os empregados disponham de cópias.

Mantenha todas as janelas externas da residência trancadas, inclusive as da garagem.

Evite a permanência de objetos (bicicletas, ferramentas, etc.) na parte externa da residência, pois isso desperta interesse dos de marginais.

Dispondo de armas, mantenha-as em local preservado de empregados e crianças, porém, de fácil acesso. Lembre-se que o uso de armas de fogo deve restringir-se a pessoas que tenham treinamento.

Comunique, imediatamente, às autoridades policiais, qualquer tipo de ameaça.

Durante a noite, mantenha acessas as luzes externas da residência.

Das sugestões apresentadas, transmita as que julgar convenientes aos moradores e/ou empregados.

Na Residência Durante uma Viagem

Ao viajar, comunique o fato a pessoa de sua inteira confiança (vizinho, zelador, parente que resida nas proximidades, etc.). Telefone para ele de vez em quando para saber se está tudo bem.

Não comunique sua viagem perto de pessoas estranhas.

Se a ausência for prolongada, cancele serviços contratados e encomendas com uma semana de antecedência. Combine com vizinho a coleta de correspondências e das encomendas que não puderem ser canceladas.

Peça para um parente para visitar sua casa, para demonstrar a presença de pessoas (abrindo janelas, regando jardins, entrando com o carro na garagem, etc.).

Não deixe jóias ou dinheiro dentro de casa, mesmo que seja em cofre. Utilize o cofre dos bancos.

Não deixe luzes acessas, pois durante o dia significam ausência de pessoas.

No caso de residência com jardim na frente, contrate alguém para mantê-lo limpo, evitando o aspecto de abandono.

Só deixe a chave com pessoas de absoluta confiança.

Evite colocar cadeados do lado externo do portão. Isso poderá denunciar a saída dos moradores.

Desligue a campainha. Assim você deixa em dúvida quem usá-la para verificar se você está em casa.

Feche as portas e janelas com trincos e trancas. Reforce a porta da frente com fechaduras auxiliares.

Com seu Cão

Fique atento:

Vacinações

Vacine regularmente seu cão:

Cinomose, hepatite, leptospirose, parvovirose e parainfluenzas.

Raiva

Atendimento Veterinário

Diante de qualquer alteração comportamental de seu cão, leve-o ao veterinário.

Alimentação

Alterne alimentação líquida e sólida, duas vezes ao dia. Evite dar condimentos, doces, farináceos. fubá, molhos, ossos de frango e sal em excesso.

Segurança nas Viagens

Com seu Carro:

Antes de viajar verifique:

  • Faróis/luzes
  • Pneus/estepe
  • Freios/suspensão
  • Combustível/óleo
  • Documentos
  • Limpadores e pára-brisas

Lembre-se:

Lugar de criança e no banco traseiro.
Não beba antes de dirigir, não dirija depois de beber.
Use sempre cinto de segurança.

Nas Estradas:

Dirija com segurança, respeitando a sinalização, o policiamento e ou outros
motoristas.
Deixe o acostamento sempre livre para os veículos salva-vidas:
Ambulâncias, bombeiros e polícia rodoviária.

Nunca faça ultrapassagens pela direita ou pelo acostamento.

No caso de algum problema mecânico ou elétrico, pneu furado, ou acidente, procure remover o veículo da pista e acenda o pisca-alerta.

Dirija com maior cuidado na chuva e na neblina. Nesses casos, acenda os faróis baixos.

Mantenha distância do veículo que vai à sua frente.

Jamais ande com pisca-alerta ligado.

Respeite os limites de velocidade.

No Hotel:

Depositar os valores e documentos pessoais no cofre do hotel ou requisitar a chave do cofre privativo do apartamento.

Só atender visitantes plenamente identificados no seu apartamento.

Utilizar para encontros e reuniões as áreas públicas.

Evitar utilizar os elevadores com desconhecidos, sobretudo durante a noite; (mais vale voltar ao “lobby” caso veja desconhecidos saírem no andar do seu apartamento.

Recusar que lhe tragam ao apartamento encomendas deixadas na portaria, salvo casos de garantia de procedência.

No Campo:

Evite fazer fogueiras.

Recolha sempre o lixo e jogue-o em lugar apropriado.

Lembre-se que o leito dos rios e lagos não é para jogar detritos.

Não corte árvores e não destrua as plantas. Conserve a natureza sempre viva.

Nas Praias:

Obedeça a sinalização dos locais perigosos.

Entre no mar com cuidado e não vá muito para o fundo. A profundidade máxima deve ser quando a água atinge o umbigo.

Mantenha as crianças sempre perto e sob sua vista.

Permaneça longe das encostas e pedras.

Se for usar alguma embarcação, coloque sempre o colete salva-vidas.

Nunca entre na água depois de comer ou beber em demasia.

Não fique muito tempo debaixo do sol. Isso pode prejudicar sua pele e sua saúde.

Se você perceber alguém com dificuldade na água, mantenha a calma e chame imediatamente um bombeiro guarda-vidas.

Deixe os objetos de valor em lugar realmente seguro.

Procure manter as praias sempre limpas.

Nas Caminhadas:

Caminhar em grupo pelas matas e florestas é uma maneira saudável de curtir o verde, o ar puro e a água cristalina da montanha. Faz bem para o corpo e para a cabeça. Mas, infelizmente, isso tem causado inúmeras vítimas. Por causa da falta de cuidado e desconhecimento de algumas regras básicas:

Antes de mais nada, é importante você saber aonde ir, como ir e com quem ir.

Procure conhecer o local, através de mapas e informações de amigos e moradores da região.

Lembre-se que para fazer excursionismo não é necessário ser atleta, mas você precisa estar bem de saúde e respeitar seus limites.

Faça um desenho do seu roteiro, para não se perder no meio da mata.

Obtenha com antecedência, todas as informações meteorológicas: sol, chuva, temperatura, etc.

Deixe avisado na sua casa o local da caminhada, com quem vai e quando volta.

Se você for principiante, deve fazer caminhadas leves, evitando muitas subidas e descidas.

Não pense que, por Ter feito uma determinada trilha, você conhece bem. Pode haver surpresas. Muita atenção nas bifurcações.

Segurança nos Deslocamentos

A Pé:

Evitar conversar sobre seu trabalho, hábitos, costumes com desconhecidos.

Evitar fazer amizades rápidas.

Evitar transitar em via pública fora das horas de movimento, quer só, quer acompanhado. Se indispensável, fazê-lo com as seguintes precauções:

Não andar junto aos prédios, muros, tapumes ou outras construções precárias;

Não andar na beira da calçada junto ao fluxo de carros no mesmo sentido em que caminha.

Não expor valores cobiçados (relógio, pulseiras, anéis, correntes, pastas, revólver ou outra arma, etc.).

Usar apenas roupa desportiva, de acordo com a temperatura ambiente.

Não fazer o mesmo percurso em noites consecutivas.

Desviar-se de áreas cobertas por árvores, carros estacionados com duas ou mais pessoas, caminhões estacionados, construções permanentes, ou eventuais, que possam configurar esconderijos.

Evitar qualquer hipótese de ser colhido pelo “fator surpresa”.

Na Condução:

De Carro em Cruzamentos:

Evite a ação dos marginais, não ostentando correntinhas, medalhas, braceletes, relógios e outras jóias.

Mantenha os vidros do seu automóvel fechados e as portas travadas por dentro. Tome cuidado quando parar nos faróis.

Não abra os vidros do seu automóvel para vendedores ambulantes que, muitas vezes, são assaltantes disfarçados.

Mantenha o carro engrenado, procure deixar uma distância do carro da frente ou em condições de rápida fuga, corte caminho se necessário para
evadir da ação de assaltantes.

Não pare para discutir “batidinhas”, principalmente à noite, os ladrões fazem isso de propósito para assaltá-lo.

De Carro à Noite:

Utilizar, de preferência a faixa central de trânsito.

No caso de restaurantes ou locais de diversão, optar pelos que tem estacionamento e manobristas próprios.

Ao chegar, só sair do carro no acesso direto ao local, certificando-se de que está entregando a chave ao motorista credenciado.

Ao abandonar o local, aguardar junto à porta que o manobrista traga seu carro.

Providenciar que o combustível do carro não se esgote.

Em caso de pneu furado, somente providencie a troca em local seguro, ainda que distante, mantendo portas e vidros fechados, evitando sempre que possível, o auxílio de estranhos.

Providenciar que o pneu sobressalente (estepe) esteja sempre em condições de uso imediato.
Conhecer o sistema de uso do “macaco” no carro que utiliza.

Não deixar no carro (de dia ou de noite) qualquer objeto, roupa, chapéu, guarda chuva, ou outros bens que despertem o interesse dos marginais.

Não deixar no carro, mesmo por pouco tempo, pessoas ou animais domésticos.

Ao estacionar verificar se as portas estão trancadas e faróis apagados.

Ligar sempre que o alarme ao estacionar o carro.

Ao Chegar e Sair de sua Residência:

Se utilizar para guardar o carro estacionamento, este deve ser o mais próximo possível da residência onde mora.

Antes de abrir portões, verificar a presença de pessoas estranhas nas imediações ao chegar proceda da mesma forma, em caso de dúvida ligue para polícia.

Varie sempre que possível, os horários de saída ou chegada, evitando trajetos sistemáticos.

Segurança nos Locais de Aglomeração Pública

Nas Compras:

Nunca vá fazer compras sozinho, leve sempre uma companhia, porque é mais seguro.

Prefira pagar com cheque ou cartão. Assim você não precisa levar grandes quantidades de dinheiro.

Não deixe a bolsa, carteira ou objetos comprados em locais que possam ser roubados.

Não entre em lojas cheias, para evitar aglomeração.

Procure fazer compras em horários de menor movimento na loja.

Nunca mostre dinheiro em público, principalmente em bares, restaurantes, loja, cinemas, carrinhos de pipoca, etc.

Bolsas, carteiras ou sacolas de compras devem ser transportadas junto ao corpo e do lado de dentro da calçada.

Evite carregar muitos pacotes ou sacolas, para ter as mãos desocupadas.

No Banco:

Proteja bem o dinheiro ou os cheques na hora que você for ao banco fazer depósito.

Não converse com pessoas estranhas dentro ou fora do banco.

Ao fazer um saque, nunca coloque dinheiro ou a carteira no bolso de trás.

Ao sair do banco, olhe bem para todos os lados, para ver se não tem ninguém seguindo você.

No Estádio:

Compre o ingresso antecipadamente evitando filas e correria de última hora.

Não compre ingressos de cambistas, são sempre mais caros. E também não compre ingressos mais baratos, geralmente são falsificados.

Procure saber antes em que setor do estádio vai ficar a sua torcida e qual é o portão de entrada.

O clima de disputa deve restringir-se à partida. Tome cuidado: hostilidades, provocações e violência ao torcedor do clube adversário, ao árbitro e aos jogadores podem resultar em responsabilização criminal.

Se você estiver levando crianças, é muito importante identificá-las com o nome, endereço e telefone, de maneira bem visível. Em caso de extravio, procure imediatamente um Policial Militar.

Nunca jogue qualquer tipo de objeto nas arquibancadas ou dentro do campo.

Lembre-se que você não poderá entrar no estádio com garrafas, latas, mastros de metal ou madeira, papel picado e muito menos fogos de artifício. Esse tipo de material pode tornar-se perigoso ou aumentar o risco de incêndio.

No final da partida procure sair com calma, evitando pânico ou correria. Retorne pelas ruas determinadas para sua torcida.

Segurança com Crianças

Na Residência:

Não deixar as crianças sozinhas, sem assistência, tenha sempre uma pessoa responsável e de confiança.

Mantenha aberta as portas dos quartos das crianças de modo que qualquer ruído incomum possa ser percebido.

Providencie para que o quarto das crianças não tenha fácil acesso pela parte externa da residência.

Ensine-as a pedir auxilio à polícia (ou pessoas conhecidas) quando perceber estranhos em atitudes suspeitas ou que as estejam molestando.

Orientar no sentido de não sair de casa sem informar onde estarão e quem as acompanhará.

Na Escola:

Providencie junto a direção da escola para que comprove previamente, através de contato com os pais ou responsáveis, qualquer solicitação de dispensa antecipada das crianças.

Deixe com a direção da escola os números de telefones de sua residência e trabalho.

Orientar no sentido de não saírem da escola sozinhas, se o fizerem informar onde irão, recusar carona ou acompanhamento de estranhos.

Caminhar na volta da escola em grupos ou pares, em ruas movimentadas.

Contra Drogas:

Esclareça seus filhos, desde a infância, sobre o mal que as drogas causam ao viciado.

Conquiste a confiança de seus filhos. É melhor que eles peçam um cigarro a você do que a um “amigo” na rua.

Converse bastante com os professores das crianças, para saber de seu aproveitamento escolar. Acostume-se a verificar a caderneta de presença de seus filhos, para saber se não tem “matado” aulas.

Oriente as crianças e os jovens a não aceitarem balas, doces, de pessoas estranhas nas escolas, clubes, cinemas, praças, bailes e shows.

Más companhias conduzem ao uso de drogas e ao crime.

Selecione as companhias de seus filhos e os ambientes que eles freqüentam (clubes, “bailinhos”, etc.).

Contra Queimaduras:

Mantenha as crianças longe do forno e dos bicos de gás do fogão, enquanto ligados.

Mantenha os cabos das panelas voltados para a face interna do fogão.

Guarde em local seguro álcool e outros materiais de limpeza e cosméticos inflamáveis.

Após passar a roupa, desligue e guarde o ferro elétrico em local seguro.

Não permita que as crianças soltem rojões e balões.

Contra Choque Elétrico:

Oriente para empinar “pipa” longe dos fios elétricos.

Não permita que as crianças liguem ou operam eletrodomésticos: enceradeira, aspirador de pó, liqüidificadores, etc.

Instale o fio-terra na rede elétrica (chuveiros, torneiras, etc.).

Contra Intoxicação:

Mantenha os remédios, cosméticos e produtos de limpeza longe do alcance das crianças.

Derrame os produtos vencidos no vaso sanitário.

Instale botijão de gás em áreas ventiladas, inspecione vazamentos com espuma (água e sabão).

Segurança contra Roubo, Extorsão e Sequestro

Medidas Preventivas:

Evite ostentações e leve uma vida recatada.

Pregresse civil e criminalmente todos os seus empregados domésticos e funcionários a cada quatro meses.

Separe o mais possível sua vida familiar e social de sua vida profissional.

Mantenha seu nome e endereços fora da lista telefônica.

Não coloque no seu cartão comercial o endereço de sua residência.

Não pague o carnê do colégio de seus filhos através de funcionários ou contínuos de seu escritório.

Não mantenha em sua mesa de trabalho porta retratos de seus familiares nem posters dos mesmos nas paredes de seus escritórios.

Não tenha horários e itinerários fixos para ir ou sair do trabalho, evite a rotina.

Evite promoções ou aparecer em colunas sociais e acontecimentos “badalados” pela mídia falada, escrita ou televisiva.

Não tenha carros importados, bem como veículos com placas personalizadas.

Nunca deixe suas crianças no carro ao fazer compras dentro da cidade, ainda que rápidas.

Não divulgue para além do estritamente necessário suas férias ou viagens para dentro ou fora do país. Se necessário, jogue ao mesmo tempo com mais de uma reserva de viagem e hotel.

Dirija seu carro sempre com vidros fechados e portas travadas. Preferencialmente utilize veículos tipo “sedan” com motor potente e ar condicionado. Carros com capota conversível, baixos e cheios de acessórios são contra-indicados.

Dirija seu carro utilizando a pista do meio, evitando as calçadas.

Se você utiliza motorista, viaje sempre atrás do mesmo no segundo banco.

Desenvolva o hábito de não ter rotina.

Texto Ricardo Nakayama